Programação da 5ª Semana André Carneiro 2018

Dia 05 de maio – sábado – 19 horas

Centro Cultural André Carneiro – Abertura oficial do evento.

Exposição “Colagens/Poemas”, onde o homenageado reúne duas de suas habilidades: a colagem e a poesia. São 30 pranchas montadas sobre Duratex no tamanho 30 X 40 cm realizadas nos anos oitenta. Obra inédita em Atibaia.

Exposição “EspaçoPleno” – Mostra que reúne cerca de 20 pranchas/poemas contidas na edição semi-artesanal do livro de mesmo nome. EspaçoPleno é um livro-objeto editado no início dá década de sessenta e hoje catalogado como obra rara na Biblioteca Mário da Andrade. A edição teve o projeto gráfico e ilustrações em xilogravura do artista plástico uruguaio Luis Díaz.

Lançamento simbólico do “Caderno da Semana André Carneiro” – Pelo quarto ano consecutivo será confeccionado os Cadernos da Semana, produção artesanal e barata, com esmerado acabamento visual, que tem o propósito de materializar assuntos referentes à Semana. Nessa edição serão lançadas duas edições. A de número 3, de 2017 e a número 4, desse ano. Elas serão distribuídas posteriormente as bibliotecas da cidade e região.

Lançamento do “1º Prêmio Semana André Carneiro de Literatura – categoria poesia”. A ideia é criar envolvimento entre artistas locais e regionais de forma a mobilizar a classe artística, não só como espectador, mas também como participante efetivo da Semana. Haverá uma premiação em dinheiro e o regulamento, assim como as inscrições estarão disponíveis em breve no site da Semana, que terá uma aba específica para essa função.

Espetáculo “O Brasil do André” – Trata-se de um espetáculo que tenciona descortinar com um show permeado por fatos históricos nacionais e locais a aura reinante à época do jovem artista André Carneiro. O evento vai rememorar a era do rádio ecoando na ainda pequena Atibaia, bem como na vivência do artista em suas relações com a sociedade vigente. Para tanto, os artistas Flávio Rodrigues e Cristiane Barbosa estão escalados juntamente com o advogado e historiador Gilberto Sant’Anna sob direção de Juliana Gobbe na perspectiva de trazer ao público de forma lúdica o clima dos anos 40 do século XX.

 

Dia 06 de maio – domingo – 17 horas 

Centro Cultural André Carneiro 

“Leitura dramatizada” – Este momento da Semana André Carneiro pretende enfatizar com leitura dramatizada a obra do autor num movimento que caracterize suas poesias no universo incerto ao qual se debruçou. Para tanto contaremos com a experiência e talento da atriz Sílvia Masulo para performatizar a escrita poética do autor de maneira a através da leitura interagir com o público presente. “Performance” do Garatuja – Com os integrantes do Corpo Municipal de Dança de Atibaia sobre obra poética de André Carneiro. Poderá haver debate após as apresentações.

 

Dia 07 de maio – segunda – 16 horas 

Escola Carlos José Ribeiro.

Oficina de estêncil: “André na Rua”. A oficina irá trabalhar questões que envolvam texto, imagem e intervenção urbana através da técnica do stencil. A partir do contato com a obra de André Carneiro as/os participantes coletarão enxertos poéticos de sua autoria a fim de interferirem no espaço urbano. A oficina terá a coordenação do artista plástico e poeta Thiago Cervan. Os interessados podem se inscrever através do site. Vinte vagas disponíveis por ordem de chegada.

 

Dia 08 de maio – terça – 19 horas 

Centro Cultural André Carneiro. 

“Cinema comentado” com Josette Monzani. Após exibição pretende-se nessa palestra discutir a visão da metrópole no filme “Se nada mais der certo” (2008), do cineasta José Eduardo Belmonte, e a agonia do homem moderno emblematizada em uma cidade engolidora de cidadanias e geradora de travestimentos múltiplos. Irá se traçar algumas considerações sobre o olhar, o sentir e o refletir na contemporaneidade a partir da experiência cinematográfica exemplificada pelo filme escolhido que tem a cidade de São Paulo como pano de fundo. A Profa. Dra. Josette Monzani nasceu e cresceu em Atibaia. É professora de cinema do Bacharelado e do Mestrado em Imagem e Som da UFSCar, São Carlos, com Pós-Doutorado em Cinema pela ECA-USP, SP. Coordena o grupo de pesquisa “Cinema e Comunicação” do CNPq. 

 

Dia 09 de maio – quarta – 19 horas 

Centro Cultural André Carneiro.

Palestra “André Carneiro: De Atibaia para o Mundo” com o editor Silvio Alexandre. André é o autor de ficção científica brasileira com maior destaque internacional, com contos e romances publicados em 16 países. Considerado o melhor autor e referência de literatura fantástica na América Latina. Foi através da sua obra que a ficção científica do Brasil ganhou notoriedade no exterior. Silvio Alexandre é editor e gestor cultural com formação em Letras pela USP. Trabalha como consultor editorial e parecerista, além de desenvolver projetos editoriais junto a várias editoras.

 

Dia 10 de maio – quinta – 19 horas 

Centro Cultural André Carneiro.

“Bate papo – A influência de André Carneiro na formação cultural do município”. Participação de amigos e admiradores do homenageado como Gilberto Sant’Anna, Nelson de Souza, Araceles Stamatiu, Euclides Sandoval, Juliana Gobbe, Carlos Alberto Pessoa Rosa e outros.

 

Dia 11 de maio – sexta – 19 horas 

Centro Cultural André Carneiro.

Fechando a programação, teremos a exibição do vídeo “Coleção Centenário Oswald de Andrade”, com depoimento de Dulce Carneiro falando da influência de Oswald em sua carreira. Dulce, irmã do André Carneiro, é a homenageada dessa edição. Dulce foi poeta, fotografa e pioneira no jornalismo de moda. Ela fez parte de um grupo de artistas formado na década de quarenta/cinquenta em Atibaia que produziu, ao lado do irmão e do amigo César Mêmolo Junior, o nosso maior patrimônio cultural erudito: O jornal Literário Tentativa.